A dança dos Dragões: uma novela sem data pra acabar

Estou lendo a série Crônicas de gelo e fogo. Comecei a ver a série, gostei, achei que o livro devia ser muito melhor, abandonei a série e fui pro livro, e toda vez que alguém fala de alguma coisa maluca que a série inventou e ou exagerou (tipo o roubo dos dragões ou o romance do Renly com o Cavaleiro das Flores), eu acho que minha escolha foi acertada.

Li o primeiro e segundo livros emprestados. O terceiro comecei a ler pirateado, mas depois arranjei emprestado. O quarto eu li piratão mesmo, mas a edição é meio ruim, com erros. comecei a ler o quinto livro em inglês e não consegui, meu inglês não é tão bom assim. Aí peguei o pirata e a edição era bem mais ou menos. Ela nem era a de portugal, era uma tradução amadora do inglês, então imaginem. Resolvi parar por ali e esperar para comprar, já que a edição brasileira viria em breve.

Aí o que aconteceu é sabido, como dizem os Dothrakis. Eu comprei na prevenda e descobri que a edição faltava um capítulo.

Li os comunicados da editora Leya, que prometiam a troca no começo de agosto, automática para os compradores de certos sites, inclusive Walmart, onde comprei.   O começo de agosto veio e seu meio já se foi, e até agora nem uma palavra da editora Leya ou do site do Walmart.   Hoje entrei no site e vi que já estão vendendo a “Edição definitiva”. E sobre o recall, nada. Mandei e-mail pra editora Leya e para oi atendimento Walmart, mas pelo o que eu já vi no reclame aqui, os compradores do submarino, saraiva, americanas e walmart estão na mesma situação, recebem ou respostas padrão inócuas do tipo “Observaremos sua solicitação até que seja proposta uma solução. Seu contato é muito importante para nós” ou então prazos sistematicamente adiados e informações contraditórias.

A situação é clara. A editora Leya se apressou em anunciar o recall, prometer e tal, e agora faz corpo  mole pra execução do compromisso. Com certeza, não pretendem trocar nem 10% dos livros da edição defeituosa, fruto de um trabalho apressado e desleixado. Contam que a maioria dos consumidores deixará por isso mesmo.

A reedição, anunciada como edição definitiva (nós compramos uma edição provisória sem saber…)  já está à venda, com o descarado selo “Nova edição: completa!” (Deveria ser “edição sem erros absurdos!”).

A editora Leya e as lojas virtuais preocuparam-se antes em voltar a embolsar com as vendas do que em consertar a burrada que fizeram com os leitores mais apaixonados, mais fieis e mais confiantes: os que compram na prevenda. Nós, que compramos ainda antes de todos, confiamos na loja e na editora, pagamos pro algo que não receberíamos tão cedo, nós fomos jogados pra escanteio, enquanto eles vão atender os pedidos de quem pode render alguma coisa. O nosso dinheiro eles já ganharam mesmo, nóes que fiquemos a correr atrás de serviços de atendimento e sites de reclamação, mendigando uma resposta. Nós não interessamos mais. Somos os idiotas que dão dinheiro pra eles a troco de qualquer porcaria que queiram empurrar pra nós. Agora somos apenas um problema indesejável.

E pensar que eu deixei de ler o pirata porque queria ler uma boa edição. Ai que ingenuidade. A edição pirata tem muitos erros, mas tem todos os capítulos. E a edição oficial da Leya também tem erros, tá? Há vários pontos com erros, texto esquisitos, escolha improvável de vocabulário… Isso em uma tradução que demorou  UM ANO.

A resposta que a editora me mandou foi a seguinte:

“As trocas já se iniciaram. A quantidade de clientes aguardando o livro é muito grande, por isso pode demorar alguns dias para que você receba o seu exemplar.

É necessário que você aguarde.”

Tenha santa paciência com esse bando de palhaços brincando de editora. Eles não conseguem atender os compradores que compraram há meses, cuja quantidade jé era conhecida antes mesmo de começarem a reimpressão, mas podem atender novos pedidos, aí sim.

O próximo leio pirata, ou me aventuro em inglês (a edição em inglês, importada, é metade do preço da edição brasileira.) só pra ter o prazer de não dar um tostão pra LeYa.

Walmart ainda é um caso a se pensar, já que eles sempre me atenderam bem, e não é culpa deles a trapalhada da editora,  mas vamos ver.

17 de agosto de 2012. Tags: , , , , , , , , , . Devaneios, Uncategorized.

2 Comentários

  1. João replied:

    Eu cheguei até este post em razão de ter recebido novemente o livro cinco. A walmart me entregou a edição definitiva e, como eu não sabia que a 1ª versão estava incompleta fiquei pensando que eles haviam errado ao me entregar pela 2ª vez o mesmo livro. Agora entendi.

  2. Rodrigo replied:

    Aconteceu o mesmo comigo, chegou o livro completo para mim e achei estranho, pensei que fosse um erro do submarino, mas depois comparei e vi o que estava errado, só que isso foi semana retrasada, ou seja no final de agosto.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback URI

%d blogueiros gostam disto: